Quantidade de Páginas visitadas

Cardápio do dia 16 a 20 de outubro












CARDAPIO DOS DIAS 25 A 29 DE SETEMBRO






JOVENS E REDES SOCIAIS










Por: Thamires Vitoria Delinski 8ºA

Em julho último, um casal de adolescentes de Porto Alegre protagonizou cenas de sexo divulgadas ao vivo por uma câmera ligada a um famoso site de relacionamentos. Mais de 22 mil pessoas assistiram à transmissão, que, por envolver dois menores - ele com 16, ela com 14 anos -, ganhou notoriedade e acabou virando assunto de polícia. O mais curioso (e que soa até ingênuo) foi o motivo que os levou a se expor dessa forma. Segundo o rapaz, a menina perdeu uma aposta em um jogo de cartas online e, por isso, teria de pagar uma "prenda". Esse episódio lamentável mostra como é preciso orientar os jovens quanto ao uso de celulares, de videogames e principalmente da internet - uma das grandes paixões da moçada. A relação dos jovens com a tecnologia é o último tema da série Desenvolvimento Juvenil. No que diz respeito à rede mundial de computadores, os especialistas apontam a dificuldade dos jovens para entender que é preciso se comprometer com as ações realizadas no mundo virtual. Para os adolescentes, a tecnologia exerce fascínio porque é uma das poucas áreas em que eles têm desempenho melhor que os adultos.

A dependência pela tecnologia é comportamental, as outras são químicas, mas ela causa o mesmo desgaste na ponta do neurônio que as drogas — explica Cristiano Nabuco de Abreu, coordenador do Grupo de Dependências Tecnológicas do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas de São Paulo.

A linha que separa o uso do abuso é tênue. Mesmo que se use muito o celular, isso não caracteriza o vício. Na dependência patológica, o uso excessivo está ligado a um transtorno de ansiedade, como pânico ou fobia social — afirma a psicóloga Anna Lucia Spear King.



Ela explica que os principais sintomas da síndrome são angústia e sensação de desconforto quando se está sem o telefone e mudanças comportamentais, como isolamento e falta de interesse em outras atividade.



Os sintomas:



- Preocupação constante com o que acontece na internet quando está offline.

- Necessidade contínua de utilizar a web como forma de obter excitação.

- Irritabilidade quando tenta reduzir o tempo de uso.

- Utilização da internet como forma de fugir de problemas ou aliviar sentimentos de impotência, culpa, ansiedade ou depressão.

- Mentir para familiares para encobrir a extensão do envolvimento com as atividades on-line.

- Diminuição ou piora do contato social com amigos e familiares.

- Falta de interesse em atividades fora da rede.

- Comprometimento das atividades profissionais e acadêmicas, como perda do emprego ou não ser aprovado na escola.

- Lesões nas articulações dos dedos causadas pela intensa digitação.

- Duração dos sintomas acima descritos por período maior que seis meses.

    A psicóloga Luciana Nunes explica que os sintomas descritos podem ser transpostos também para a dependência pelo celular.

AGENDAS DE SHOWS EM CURITIBA






Izabela de Assis Rodrigues / Rafaelly Dério 8º A



Larissa Manoela:

Data:15/10/2017

Local:teatro positivo





Villa mix Curitiba:

Data:21/10/2017

Local:Expotrade



Anitta e Ludmilla:

Data:14/11/2017

Local:Live Curitiba



Tiago Iorc:

Data:10/12/2017

Local:Teatro Guaira



PLANETA DOS MACACOS: A GUERRA










Cultura

Por: Rafaelly Dério 8ºA



César e seu grupo são forçados a entrar em uma guerra contra um exército de soldados liderados por um impiedoso coronel. Depois que vários macacos perderem suas vidas no conflito, César luta contra seus instintos e parte em busca de vingança. Dessa jornada, o futuro do planeta poderá estar em jogo.



Drama/Científica.

IT A COISA










Por: Rafaelly Dério / Izabela de Assis Rodrigues 8º A



Um grupo de sete adolescentes de Derry, uma cidade no Maine, formam o auto-intitulado "Losers Club" - o clube dos perdedores. A pacata rotina da cidade é abalada quando crianças começam a desaparecer e tudo o que pode ser encontrado delas são partes de seus corpos. Logo, os integrantes do "Losers Club" acabam ficando face a face com o responsável pelos crimes: o palhaço Pennywise.

Terror, suspense / 18 anos.

O FILME DA MINHA VIDA














Cultura

Por: Rafaelly Dério 8ºA





O jovem Tony decide retornar a Remano, Serra Gaúcha, sua cidade natal. Ao chegar, ele descobre que Nicolas, seu pai, voltou para França alegando sentir falta dos amigos e do país de origem. Tony acaba tornando-se professor e vê-se em meio aos conflitos e inexperiências juvenis.

Drama.

Nacionalidade: Brasil.

Não recomendado para menores de 14 anos.

CULINÁRIA










Por: Emily Manuele do Nascimento Andrade 6ºB

Kauane de Camargo dos Santos Silva 6ºC





QUAL A ORIGEM DO STROGONOFF?



Uma receita bastante parecida com a que conhecemos hoje a base de pedaços de carne, creme de leite, cebola e sal já era preparada na Rússia czarista do século XIX. Segundo vários historiadores da gastronomia, o nome vem da família russa Stragonov, cuja a origem é anterior ao ano de 1500. Difícil é saber qual Stragonov foi, de fato, o criador da receita. Alguns pesquisadores a atribuem ao conde e diplomata Pavel Stragonov, que teve importante atuação política no reino de Alexandre ( 1777- 1825) ou um do seus cozinheiros franceses.

Como todo prato que começa a ultrapassar fronteiras, ele foi ganhando diferentes modos de preparo e ingredientes: cogumelo, páprica e mostarda fazem parte de uma intervenção na França; já adicionar catchup foi nos Estados Unidos,  onde também é comum servi-lo com macarrão.

Já a versão digamos “ clássica brasileira” seria uma mescla dessas duas anteriores, pois leva catchup, mostarda, farinha de trigo, cebola, molho inglês, conhaque, salsicha, cogumelos e creme de leite. Essa era a referência de preparar por aqui. "Bem anos 60, pop e chique, do tipo que era capa de revista'', comenta a chef Heloísa Bacellear, do restaurante Só da Venda, em São Paulo ''. Era assim que as mulheres aprendiam a fazer quando iam casar.





























RECEITA DE STROGONOFF DE FRANGO



3 PEITOS DE FRANGO EM CUBOS

1 DENTE DE ALHO

SAL E PIMENTA DO REINO A GOSTO

1 CEBOLA PICADA

2 COLHERES DE MAIONESE

1 COLHER DE MANTEIGA

½ COPO DE CATCHUP

1/3 COPO DE MOSTARDA

1 COPO DE COGUMELOS

1 COPO DE CREME DE LEITE



MODO DE PREPARO:



Tempere o frango com o alho, maionese, sal e pimenta. Em uma frigideira derreta a manteiga e doure a cebola, junte o frango temperado até dourar, adicione os cogumelos, catchup e mostarda. Incorpore o creme de leite e retire do fogo antes de ferver.

Como acompanhamento pode-se usar arroz branco e batata palha.





ANNABELLE 2








CULTURA

Por: Rafaelly Dério 8ºA



Anos após a trágica morte de sua filha , um habilidoso artesão de bonecas e sua esposa decidem, por caridade, acolher em sua casa uma freira e dezenas de meninas desalojadas de um orfanato. Atormentado pelas lembranças traumáticas, o casal ainda precisa lidar com um amedrontador demônio do passado: Annabelle, criação do artesão.

Não recomendado para menores de 14 anos.

ARTE DE RUA










Por: Otavio Lisboa 8°A



Conhecida como intervenção urbana, a arte de rua (street art) é uma outra forma de comunicação dentro da sociedade. Embora algumas dessas peças tendam a ser para o embelezamento da cidade, além de incentivar a arte, a diversão e a criatividade, muitas vezes, estas peças também são instrumentos políticos e sociais, tendo como objetivo fazer uma declaração ou denúncia acerca da realidade vivida naquela comunidade ou sociedade.





10. Esculturas

Esculturas são o que costumamos ver como argila, pedra, metal, cerâmica ou qualquer outro material esculpido de uma forma criativa. A Grécia Antiga é conhecida por ser o lugar onde a tradição ocidental de esculturas começou. Quando essas preciosas esculturas são exibidas fora de um museu, um templo ou em qualquer lugar público ela se torna uma arte de rua, uma instalação urbana





9. Wheatpaste

Wheatpaste envolve o uso de uma pasta composta por farinha (de preferência de trigo). É uma técnica que os artistas de rua usam para colocar imagens detalhadas rapidamente. Pode-se fazer cartazes, desenhos e pinturas em papel que podem ser coladas nas ruas. Esta técnica é rápida, fácil, eficaz e barata. É por isso que artistas de todo o mundo usam este método para apresentar ou promover o seu trabalho e ideias para as massas.



8. Pôster de Rua

Cartazes de rua são bastante comuns e podemos facilmente identificá-los nas paredes. Estes cartazes podem ser feitos manualmente ou graficamente impresso sobre uma folha fina de papel. Alguns cartazes são bastante engraçados, enquanto outros podem ser informativos.



7. Instalações de Rua

As instalações de rua usam os espaços urbanos para recriarem um ambiente artisticamente a fim de promover alguma ideia.



6. Intervenção de Arte

Esta forma de arte de rua é usada para provocar uma mudança no sistema existente. É um processo de intervenção com obras de arte já existentes, com as pessoas ou com uma área específica. As pessoas também usam intervenções para protestar contra as obras de arte.





5. Projeções de vídeo

Projeções de vídeo são formas interativas de arte de rua. Nesta técnica projeções de vídeo são feitas em uma parede ou um edifício formando imagens e animações interessantes.





4. Etiquetas de Arte

Esta forma de arte de rua usa adesivos para exibir uma mensagem ou uma imagem que é geralmente associada a uma agenda política. As etiquetas podem ser impressas e são fáceis de ser coladas. Isso faz com esta arte seja bastante popular.





3. Grafite

Convencionalmente feitos por tintas em spray e marcadores, este tipo de arte pode ser apenas para uma exibição que contenha uma mensagem social grave. A maioria dos grafiteiros trabalham anonimamente e deixam suas iniciais juntamente com o seu trabalho. Estes podem ser escritos ou caligrafados. O Grafite é conhecido desde o antigo Egito, Grécia Antiga e no Império Romano entre outros lugares ao redor do mundo.





2. Stencil Grafite

Stencil grafite é um dos muitos tipos de grafite. Estes usam um corte de concepção sobre um cartão que pode ser facilmente usado para produzir uma série de grafites. Stencil grafite também usa tintas spray e marcadores.



1. 3D Street Art A arte de rua 3D ou a arte de rua Tridimensional não é uma arte que surgiu nos últimos anos. Ela remonta a 1980, quando Kurt Wenner inventou essa forma fabulosa de arte de rua que pode ser feita com giz ou tinta.

Relatos sobre bullying na escola










Por: Maria Eduarda Martins Carvalho. 8A





Não existe pessoa só boa e nem pessoa só ruim:

José (nome fictício), estudava numa escola pequena de Copacabana. Eu nem me lembrava que perturbava um cara da minha turma, éramos alunos do primário. Um dia, já na faculdade, fomos jogar uma pelada. E lá estava o cara que eu perturbava. Realmente não me lembrava. Do nada vem um cara e pula na primeira disputa de bola e quebra minha perna. E ainda me deu um chute na cabeça. Fui direto para o Miguel Couto, o jogo virou pancadaria e meu time acabou perdendo. A gente fazia engenharia, éramos jovens normais e o outro time era do que hoje se chama de pitboys. Eram lutadores de jiu jitsu, surfistas e encrenqueiros.



Só soube que era ele quando, com a perda quebrada, morrendo de dor ele veio e “bateu o tiro de meta” no meu rosto. Perdi 5 dentes, tive arranhão de córnea, tive um traumatismo craniano e uma fratura na perna. Só me lembrei do agressor ao ver umas fotos antigas do Colégio Mello e Souza, mas realmente não lembrava que implicava com ele. Não lembrava mesmo. E, se implicava, o que de tão grave pode fazer uma criança de 7 anos com outra, que justificasse uma agressão assim? Eu não era uma criança má. Já o cara que hoje anda por aí com o rosto em outdoor é um psicopata.









FESTA DA PRIMAVERA 2017






CARDAPIO DOS DIAS 18 A 22 DE SETEMBRO






CARDAPIO DOS DIAS 4 E 5 DE SETEMBRO






Palestra com a sobrevivente do ataque terrorista no WTC Adriana Maluendas






Palestra com a sobrevivente do ataque terrorista no WTC Adriana Maluendas, apresentando livro: Além das explosões. Foi uma experiência única para todos, superação e esperança! Obrigada Adriana e Tania por nos proporcionar esse momento!





















Validador

CSS válido!

Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito